13/07/2017

O SISTEMA SÃO AS PESSOAS



Contrariando o famoso ‘desenrascanço português’, fica evidente que somos muito mais teóricos do que práticos, o que vem asseverar todo um chico-esperto que o Português não sabe viver sem. Quase todos sabem como deviam de ser. Quase todos dizem que são - o que é pior que não saber (mesmo não sendo).
Expõe-se a público que “se me enganar, gosto que me rectifiquem”, porém se alguém o corrige…“Olha por sacana do Doutorzinho armado aos cágados…!”. 

Até se recolhem os excrementos do cachorrinho aquando o passeamos no parque da cidade, mas quando vou treinar naquelas máquinas de ginástica para velhos, saio de lá com assombroso perfume a Ribatejo. 

Dos que afirmam ler livros, rapidamente afirmam que o Eusebiozinho foi um atleta de futebol do Benfica. 

Tantos declaram adorar programas didáticos. Daqueles em que aos sábados de manhã se contempla os animais no seu habitat natural, mas no fim, o Dr. Quintino Aires faz-nos crer que o Love on Top é um incomensurável «objeto de estudo». Têm analogias no fundo. A par dos programas didáticos, neste também conseguimos assistir animais a procriar. Pessoalmente acho o casal de gatos-marsupiais mais afetuosos e menos afectados pelo cio. Opiniões. Para mim, chama-se ‘Masturbação colectiva em forma de prostituição intelectual”. No caso do Dr. Quintino chama-se apenas “Processos disciplinares na Ordem dos Psicólogos”. Bem vendo, são igualmente semelhantes. Tanto o seu estudo como os processos, não andam para lado algum.