30/09/2016

O mito das estações do ano

O que é que o rapto de uma criança, tem a ver com as estações do ano?
Bem, os Gregos explicam as estações do ano através de um curioso mito, amplamente propagado por todas as civilizações na época.
E Deusa Deméter, que era a «Deusa da Terra», verifica que a sua filha Perséfone tinha desaparecido. Apercebe-se entretanto, que Perséfone tinha sido raptada por Hades.
Hades é para já duas coisas. - O «Deus do Submundo do inferno e os mortos» e é também a forma como alguns dirigentes desportivos conjugam o verbo haver.
Felizmente que neste mito Grego, é só o Deus do Submundo, o que me facilita em boa parte.
Posto isto, Deméter vai ter com Zeus, e exige que este obrigue Hades a devolver-lhe a sua filha.
Como Zeus é irmão de Hades e não se quer meter nos entretenimentos do maninho, prefere não fazer nada. Assim fica.
Com este gravíssimo conflito de interesses familiar, a Deusa Deméter amua de beicinho e braços cruzados, e recusa-se a fazer crescer planta alguma. A Terra começa a mirrar. Nada floresce. Era o caos.
Por esta altura, Zeus determina o impasse com um compromisso. Seis meses Perséfone ficaria com a mãe, e nos restantes seis, com Hades.
É então por isso que nós temos uma terra que durante seis meses tudo floresce, e nos outros seis, está aparentemente mais triste.