julho 05, 2015

Eterno insaciável, incorrigível inconformado.

Eterno insaciável, incorrigível inconformado. 
Os meus festejos somente duram o tempo de uma célere retrospesctiva. Em cada objectivo alcançado habita a certeza de que nunca subsistiu dignidade suficiente para o ter querido, com tamanha intensidade.

Sedento na procura mas desleal na manutenção.
Nada me inspira no que já tive, o fui, o deu, ou o consegui. Exclusivamente sol amanhã, e aí, então o sonho. Oh que sonho.