maio 18, 2015

Benfica campeão nacional

O S.L.Benfica foi Bi-Campeão nacional esta tarde em Guimarães.
Muitos são os festejos que se fazem sentir por todo o país, e inúmeros são os argumentos utilizados pelos clubes rivais na tentativa de minimizar o feito do Benfica.


Justificam-se essencialmente com o favorecimento das arbitragens, o que aqui entre nós, não deixa de ser formalmente admissível especialmente num país em que outrora essas circunstâncias alheias ao futebol ditaram tantos títulos em Portugal.


Relativamente ao conteúdo, parece-me arriscado apontar uma narrativa no favorecimento de um clube que está no primeiro lugar da liga desde a 4.ª jornada.
O Benfica venceu o seu único adversário directo fora por 2-0, empatou em casa, e garantiu a sua posição privilegiada no confronto directo.
Hoje muitos dos olhos estiveram colocados no jogo do Guimarães com o Benfica, mas a resposta deste campeonato para mim, passou muito pelo que sucedeu no Restelo. O F.C.Porto demonstrou um futebol lento, e sem soluções. Apático e sem o querer necessário para vencer. O empate permitiu que o Benfica, mesmo sem uma vitória, conseguisse festejar o título de campeão nacional.


Em modesta opinião, este título do S.L.Benfica é especialmente penoso para o F.C.Porto, porque este ano assistimos a um investimento histórico deste. Nunca um clube em Portugal investiu tanto. O F.C.Porto teve ao seu dispor jogadores fantásticos que poderiam facilmente ser hipóteses credíveis na maioria das equipas da Europa, e mesmo assim não conseguiu transformar essa mão-de-obra em resultados. Faltou o Arquitecto. Faltou o treinador.


Na verdade, o S.L.Benfica com um plantel de menor qualidade, (a ver o afastamento madrugador das competições europeias) teve um treinador que soube gerir com astúcia essa situação. Não é fácil fazer recuperar um clube de uma sangria de 18 jogadores, onde 8 desses eram titulares. Jorge Jesus, à sua maneira, soube responder e demonstrar que os 6 anos que leva de Benfica, traduz em muito da sua experiência enquanto treinador.



O Benfica é um justo vencedor desde Campeonato Nacional. Parabéns a nós! 34!