abril 09, 2012

Sporting - Benfica


Hoje o Benfica perdeu com o Sporting. Não me falem de árbitros, nem mesmo do tal penalti ao primeiro minuto que todo mundo viu que existiu. Não falem disso, porque depois do Benfica jogar como jogou, isso deixa de ser argumento. Não pode ser, nem pode haver argumentos para justificar há 2 meses estarmos com 4 pontos de avanço e hoje estamos com 5 de atraso. Argumento só há um, e chama-se Jorge Jesus. Deixem-me a liberdade de pensar que quando Jorge Jesus, depois do jogo de hoje, justifica toda a péssima exibição com um penalti que não foi marcado, não pode ser treinador para o Benfica. Um dos dois viu um jogo diferente. Eu vi uma equipa má, a ganhar a uma equipa péssima. Tudo o resto, toda esta dor e desilusão de um Benfiquista, fica amarga quando se perde um jogo contra uma equipa como o Sporting. Haveria tanto para falar hoje, tanto que qualquer Benfiquista podia dizer, a começar na dualidade de critérios, passando pelo jogador Pablo Aimar, que deveria receber o prémio de Fair play, e foi pioneiro no castigo de 2 jogos de suspensão precisamente em Braga e Sporting; Poderíamos até falar da derrota do Marítimo, abrindo caminho para o 4º lugar ao Sporting, mas não. Jorge Jesus com as exibições que faz, não permite sequer que levantemos a cara para falar de tudo isso que vai ficando na garganta de todos os Benfiquistas. Retira-nos a moral para manifestar o óbvio! Chega. O risco de momento é a ilusão que os adeptos do Sporting estão a passar, mas quanto a isso, a queda vai ser como todas as outras habituais.
Enfim, um Benfica que joga assim, merece tudo menos ser Campeão.